INEM no seu melhor...

Como tinha prometido, aqui vai este triste e lamentável episódio.

Durante os meus tratamentos de Quimioterapia as minhas defesas foram abaixo e tive necessidade de administrar Neupogen.

E o que é isto do Neupogen???
Neupogen é um factor de crescimento de glóbulos brancos que funciona encorajando a medula óssea a produzir mais glóbulos brancos. Pode ocorrer uma redução no número de glóbulos brancos (neutropenia) por várias razões e isso faz com que o organismo seja menos capaz de combater as infecções. Neupogen estimula a medula óssea a produzir glóbulos brancos novos rapidamente.

Estava eu em casa, deitada no sofá...tinha administrado o tal "Neupogen".

Tudo parecia correr bem, quando de repente comecei a ter dificuldade em respirar, senti a glote a fechar (a pior sensação do mundo), uma dor intensa no ombro, o coração batia de tal forma que pensei que iria morrer, um calor brutal que queimava...um horror!!

Partilho, alguns dos possíveis efeitos secundários deste medicamento em doentes com Cancro.
Náuseas e vómitos, dores nos ossos, dores de cabeça, fadiga, dores no peito, obstipação, anorexia, diarreia, inflamação e inchaço do revestimento do tubo digestivo,que vai desde a boca até ao ânus (mucosite), dor inespecífica, problemas nos vasos sanguíneos (vasculopatias), Síndroma da Dificuldade Respiratória do Adulto (SDRA), tosse, febre e dificuldade em respirar, lesões de cor arroxeada, elevadas, dolorosas nos membros e por vezes na face e no pescoço com febre (síndroma de Sweet), reacções alérgicas incluindo fraqueza, descida da pressão arterial, dificuldade em respirar, inchaço da face (anafilaxia), erupção cutânea, reacção na pele com comichão (urticária), inchaço da face, lábios, boca, língua ou garganta (angioedema), falta de ar (dispneia) e pressão arterial baixa (hipotensão)...

Depois de ler esta "mini" lista de efeitos secundários até dá medo...

Bem, mas vamos lá então ao triste e lamentável episódio...

Como podem imaginar, mal o meu namorado me viu naquele estado ligou para o 112...e depois de alguns minutos de espera atende alguém, que ainda decide passar a chamada para outro alguém e aí então a informação sobre o meu estado foi dada pelo meu namorado.
Demoraram 35 minutos (para ser generosa)até chegarem a minha casa, isto porque vivo a 5 minutos do Hospital S.Marcos...não vale a pena dizer nada quanto a isto, pois não??
Avançando...
Dou por mim a ver um Bombeiro (atenção que tenho muito respeito pelos Bombeiros)a entrar em minha casa...aproximou-se do sofá e arrastando o seu corpo contra o meu para ter lugar para se sentar, fez este comentário: " Atão, tá tudo??...é Enfermeira, não é?...Atão percebe mais disto que nós!!"
Estão de boca aberta??? pois eu também ficaria!!! Mas reacções já tinha poucas devido ao meu estado, mas depois daquele comentário pensei que definitivamente iria morrer ali.
Enfim...
Avançando novamente...e rapidamente porque lembrar-me deste episódio da-me uma certa "urticária".
O percurso para o Hospital foi em marcha lenta quase parada, sem monitorização nenhuma e pelo percurso mais longo...a chamada viagem turística!!!
Para terminar e já na porta da urgência mas ainda dentro da ambulância, o Sr. Bombeiro decide perguntar-me o nome e a data de nascimento e como não tinha onde escrever, teve a brilhante ideia de ir ao lixo buscar um papel para escrever.
Enfim (outra vez)sem comentários...

7 comentários:

Rui disse...

Todos os "fait divers" valeram a pena pelo pitoresco e sobretudo porque hoje já nos podemos rir deles... o importante é que apesar de muitos sustos e alguns azares, estás aí!
Objectivo atingido, venham outros!Beijo Marininha

Rui disse...

Todos os "fait divers" valeram a pena pelo pitoresco e sobretudo porque hoje já nos podemos rir deles... o importante é que apesar de muitos sustos e alguns azares, estás aí!
Objectivo atingido, venham outros!Beijo Marininha

Senhor Geninho disse...

Tens a certeza que o homem era Bombeiro? Pelo que descreveste o mamarracho devia era ser psicólogo! Isso vê-se logo pela abordagem superprofissional que teve "Atão, tá tudo bem?". Este tipo de abordagem só está ao alcance dos predestinados. Ninguém tem um sangue frio destes numa altura em que se tem pela frente alguém que sente que está a bater a bota! E o efeito foi o esperado. Ficaste de tal maneira chocada com tamanha frontalidade que já nem pensaste nas maleitas que tinhas! A isto chama-se tratamento choque! ;D

AVOGI disse...

credo , mas há cada profissional de saúde que até arrepia.
kis :=(

Marina da Silva disse...

Olá Marina,
Parece brincadeira né? E que humor você tem. Saiba que levar o cancro com humor ajuda e muito viu! Eu tive a doença em 2002 aos 38 anos e quase morri...DE MEDO! Hoje estou curadíssima e não morri nem de medo, nem de raiva dos planos de saúde nem de nada! É muito divertida a forma que você conta estes episódios. Deus lhe abençõe e siga em frente em busca da Cura! Abç. Marina. Brasil.

Marina da Silva disse...

Oi Marina,
Quando a gente pensa que a coisa não pode piorar mais...que efeitos colaterais sérios que você teve! O bombeiro é nosso amigo, mas como diz um ditado aqui do Brasil: ele é amigo seu ou amigo da onça?
Fique com Deus e aguente firme que tudo vai passar viu? Abraço. Marina da Silva. Belo Horizonte. Brasil.

Marina disse...

Obrigada Marina.
Um beijinho muito grande